Home » América do Sul » Brasil » Paraná » A incrível viagem de trem Curitiba-Morretes
A viagem de trem Curitiba-Morretes
Finalzinho de viagem, que vista da Serra!

A incrível viagem de trem Curitiba-Morretes

Logo que decidi qual meu destino nas férias comecei a pesquisar sobre os possíveis lugares no sul do país para visitar, sabia que Curitiba seria o ponto de início do meu tour que estou contando nesta série de posts. Se não viu, leia os anteriores:

  1. As 5 cidades do Sul do Brasil que visitei em minhas férias
  2. 7 Pontos Turísticos em Curitiba (o #6 é o meu preferido)

Então comecei a pesquisar informações sobre a cidade com meus amigos que já tinham ido para lá e moradores de Curitiba que eu conhecia. E quase todos me falaram sobre a tal viagem de trem para Morretes. Logo, coloquei em minha lista do que conhecer no sul do Brasil.

O Passeio

Morretes é uma pequena cidade histórica no fim da Serra paranaense, próxima a cidade de Paranaguá, um dos principais portos da Costa brasileira. Para o transporte de cargas para o porto foi construída a ferrovia Curitiba-Paranaguá, eu que um dos pontos de parara é a cidade de Morretes.

O trilho da viagem de trem passa pelo meio das montanhas da serra hoje é usada nos passeios turísticos pela linda vista, e ainda bastante é usada para o transporte de cargas. O início da construção foi em 1880 e a finalização em 1885, sendo considerada uma das construções mais complicadas e até mesmo impossível por alguns engenheiros da época.

A Serra Verde é a empresa que cuida da viagem turística pela ferrovia com diversos planos para viagem que você pode conferir no site. A duração da viagem é de 3 a 4 horas. No meu caso, o trem turístico teve de parar para a passagem de um trem de carga e chegamos na risca do tempo máximo de 4 horas rs.

O trem parte da Rodoferroviária de Curitiba logo cedo, por isso nada de dormir até tarde. Os preços são meio salgados, mas é uma experiência bastante diferente, tanto pelo passeio de trem, não muito comum aqui no Brasil, quanto pelas paisagens maravilhosas que vemos pelo caminho.

A viagem de trem Curitiba-Morretes em fotos

Viagem de trem Curitiba - Morretes
Passando pela Represa lembrei da falta de água em São Paulo!
Viagem de trem Curitiba - Morretes
Tentativa mais que frustrada de tirar uma foto legal com a cabeça para fora do trem 🙁
A viagem de trem Curitiba-Morretes
Brincando com o reflexo da vista na janela do trem
A viagem de trem Curitiba-Morretes
Só observando as antigas paradas da ferrovia que ficaram pelo caminho para marcar a história
A viagem de trem Curitiba-Morretes
Prendendo a respiração pra tirar a foto dessa vista em um intervalo de três segundos

 

A viagem de trem Curitiba-Morretes
Outra foto rápida, agora da cachoeira véu de noiva.
A viagem de trem Curitiba-Morretes
Medo de chuva na serra
A viagem de trem Curitiba-Morretes
Mas, o tempo continuou maravilhoso! UAU!
A viagem de trem Curitiba-Morretes
O trem passou por aquela parte ali mesmo :0
A viagem de trem Curitiba-Morretes
Finalzinho de viagem, que vista da Serra!

A Cidade de Morretes

Morretes é uma típica cidade histórica com um centro repleto de construções que remetem a arquitetura antiga, vinda da Europa para o Brasil, que vemos em cidades como Paraty e até mesmo nos centros de grandes cidades como São Paulo e Curitiba.

A viagem de trem Curitiba-Morretes

O clima estava ótimo na cidade, um calor bastante agradável. A cidade é cortada pelo rio Rio Nhundiaquara, criando uma bela imagem da união entre Rio e cidade.

Na beira do rio há aluguel de caiaques e também é possível ver alguns barcos de pesca. No centro uma feira com venda de doces e comidas típicas da região como balas de gengibre e banana.

A viagem de trem Curitiba-Morretes

Por ser uma cidade turística e com de ter o melhor Barreado, comida típica culinária do Paraná existem diversos restaurantes pelo centro e na beira do rio. Além do Barreado, é possível encontrar peixes e camarão na maioria deles a preços aceitáveis.

O Barreado

Ouvi muito sobre barreado quando estava planejando a viagem e também das pessoas que conheci em Curitiba, logo, fiz questão de experimentar.

O Barreado, é um cozido de carne que segundo a receita, fica mais de 8 horas em processo de cozimento. Então, o caldo de carne é misturado com farinha de mandioca para chegar ao tradicional Barreado. A mistura do caldo com a farinha é feita pelos garçons do restaurante na nossa frente, e logo depois fazem o famoso “teste do barreado”:

Morretes Barreado Morretes Barreado

O gosto do prato é ótimo acompanhado de arroz, purê e peixe, uma verdadeira maravilha.

Hora de voltar

No fim tarde, chegou a hora de voltar a Curitiba, e a escolha foi pela estrada da Graciosa, uma vez que a viagem de trem é demorada e a vista na serra no fim de tarde é prejudicada pela névoa e cair da noite.

A Estrada da graciosa também é bastante famosa, cheia de curvas e florida, ela cruza a floresta da Serra por toda sua extensão, ideal para quem gosta de ver a natureza enquanto está na estrada.

O clima não estava bom para vista a partir do mirante no ponto alto da estrada, uma pena.

Morretes-Curitiba Estrada da Graciosa

Gostei bastante do passeio de trem, da cidade de Morretes e do Barreado. Com certeza vale a pena ganhar um dia fazendo este passeio!

No próximo post falarei sobre os chopes de Blumenau para você que adora uma gelada!

Gostou do artigo? Curta e Compartilhe!

Sobre Nilo Luz

Freelancer na área de marketing digital e apaixonado por viajar pelo Brasil e pelo mundo. Entusiasta em nomadismo digital, já morei na Austrália e conheci um canguru, já dei banho nos elefantes resgatados de maus tratos na Taiândia, comi massa e pizza na Itália e bebi vinho do porto em Portugal entre outras coisas durante minhas viagens, mas a mais importante é conhecer um pouco da cultura de cada local e outros viajantes, e aprender no processo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *